quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

ASSIM SINTO...


Ás vezes, quando saio do palco, gosto de espreitar pelo pano e ver se as pessoas estão a sorrir, a comentar, se gostaram de nós, se querem mais. Ás vezes, o trapézio da vida é cada vez mais dificil de subir e não espreito pelo pano, sigo para os bastidores para não ter que voltar atrás, porque quero estar sem existir só por um pedacinho de tempo. Ás vezes as sombras e purpurinas cheias de cor, não têm o brilho suficiente, e o sorriso lá vai enganando a alma. Ás vezes, danço feliz e com vontade de não parar, mesmo que na plateia, não conheça ninguem e ninguem que conheço me veio ver dançar. Em todas estas vezes... sempre olhei para o lugar vazio que desejei ser o meu, e nele, em nada pensar. Em todas as vezes, a caminho dos bastidores, a melodia que vive em mim é sempre The Show Must Go On dos Queen, no silencio da minha alma. Esteja triste ou feliz... como um ritual. Mesmo sem plateia...é o mote para continuar a voar.

4 comentários:

XS disse...

E já pensaste que se calhar és o paleativo para muita gente que te assiste?
Beijinhos:)

Angelblue disse...

Assim o desejo. A musica é fundamental em quase tudo o que faço, e todos os momentos importantes que marcam a minha vida têm uma melodía. Esta musica dos Queen é mt especial para mim, os meus colegas e equipa para me picarem dizem que é mt démodé lol para mim... tem uma letra sempre actual e que me dá força para saber mt bem aquilo que desejo e quero ;) beijo grande

Nelson A. Soares disse...

Adorei este texto. Achei lindissimo e identifiquei-me bastante. Desconheço se trabalhas no meio artístico ou não, eu não o faço mas adoro cantar. É a expressão artística mais natural que encontro para me expressar e sobretudo para tocar as pessoas. E quando o faço tenho sempre que ouvir uma ou outra música para me inspirar, para poder inspirar fundo e sentir-me pronto. Para além disto, depois de pisar o palco, depois de olhar as pessoas nos olhos e faze-las entrar no meu mundo, prefiro os bastidores. Como refúgio e não só...


Stay Well

Angelblue disse...

Obrigada Nelson :) sim sou bailarina de performance, embora ultimamente com poucos espetaculos e infelizmente não é disto que vivo. Gosto de dançar mas o momento em que me encontro nos bastidores após dançar, é... onde estou com o que melhor vive dentro de mim, aquilo que sou e dou ;) beijinho