sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

ASSIM ME SINTO...


Este é um dos meus banquinhos mais especiais do Mundo, junto ao Mar, mesmo à beirinha do Horizonte a tocár o Por do Sol, a saborear a Paz tão precisa dentro de mim. A primeira coisa que pedí assim que acordei para o Mundo outra vez... foi ver o Mar, este Mar, aqui sentada neste mesmo banquinho, precisava de sentir aquele aroma salgado, sentir que existia, sentir que aquele pedacinho de tempo era real e eu vivia. De olhos fechados ali fiquei apenas a sentir as saudades que tinha daquele Horizonte ao qual não sei quanto Tempo estive afastada. Deve ter sido muito Tempo, porque as gaivotas voavam contentes à minha frente e o Por do Sol foi lento, de todas as cores, suave como um poema. Este banquinho era das poucas coisas que me lembrava, e isso era bom, muito bom porque o meu Medo era não ser verdade e tudo não passasse de um sonho. Olhei o Horizonte e sorri porque as lagrimas tambem podem ser de felicidade. Ainda não me lembro de muita coisa mas o pouco que me lembro é suficiente para continuar a respirar. A minha Vida num piscar de olhos transformou-se num livro onde falta muitas folhas mas que um dia as vou encontrar. Voltei a saborear este momento, no Fim de Semana, quando me perguntaste onde queria ir primeiro, ao qual respondi sem duvidas:-"Quero ver o Mar"... A Vida tem destas coisas, num momento deixei de tocar a pele do Mundo sem saber que um dia a voltaria a tocar. Porque um dia saí aos saltos a rir, e o meu Anjo da Guarda não me deixou desistir.

5 comentários:

luna disse...

eu entendo. nesse momento, eu sinto o que vives, sonhas ou anseias. é deixar que as estrelas nos toquem e nos embalem a Vida.

um Beijo Grande

JS disse...

Lindo! ;)

Um abraço*

afoganso disse...

Que belo é esse banco e que bom é sentir o mar! Melhor senti-lo contigo!

Miss Glitering disse...

é em são pedro? :)

Beijos

Angelblue disse...

É um dos miradouros mais bonitos da falésia em Porto Covo :)